Project Description

Luzia do Rosário

Técnica de Biblioteca e Documentação na Biblioteca Municipal de Beja, como mediadora de leitura e onde regularmente conta para crianças, jovens e adultos. “Os contos transformam. Nos contos me transformo, neles cresço, e com eles teço o meu caminho por essa estrada que é a vida.”

Sessões nas casas das avós:

Avó Aida Oliveira, Vermoim (10/09/2015 às 18h)

Esta querida avó, que hoje tem uns belos 82 anos, foi, em tempos, uma requisitada costureira. Em casa tinha uma máquina de pedal que atraia a atenção das filhas. À socapa, tentando imitar a mãe, as filhas partiam-lhe as agulhas. É a errar que se aprende: duas das suas filhas são, hoje, também elas costureiras. Lembra-se dalguma história em que alguém se pica numa agulha? Talvez a avó Aida Oliveira se lembre e nos conte…

Avós Joaquim Vaz e Armanda Vilela, Vermoim (11/09/2015 às 18h)

Acompanhantes do festival desde a primeira edição, este avô de 72 anos e esta avó de 68+1 (como a própria prefere dizer) vivem um amor como poucos. São já 53 anos de paixão!

Carinhosamente, contam que foi amor à primeira vista. Talvez partilhem connosco a sua história. Nós estamos desejosos de ouvi-la.

Sessão no Parque:

Parque da Ribeira, Joane (12/09/2015 às 17h)

Contos à Mesa:

Restaurante Serenata, Joane (10 & 11/09/2015 às 21h)

Memória de Pedra:

Capela Senhora da Carreira, Joane (12/09/2015 às 21h30)

Quinta da Costa- Fonte Milagrosa, Mouquim (13/09/2015 às 17h30)